Alvorada Parintins

Aumento no preço da gasolina faz tudo ficar ainda mais caro

Restaurantes, que antes não cobravam a entrega, começam a adotar uma taxa no serviço e mototaxistas irão aumentar o valor da corrida, de R$ 5 reais para R$ 7 reais.

Em Parintins, os postos de gasolina começam a repassar o reajuste de 7,2% no preço dos combustíveis aplicado pela Petrobras. O valor do litro da gasolina agora está custando, em média, R$ 6,88.

Renata Feijó vende salgados há mais de 3 anos, e durante a pandemia passou a trabalhar exclusivamente com delivery. Ela conta que agora sente no bolso o reajuste da gasolina e para ter lucro foi obrigada a fazer um acréscimo no valor do alimento para os clientes.

“Afeta diretamente nosso produto. A pouco tempo a gasolina teve aumento, em questão de dias teve outro (aumento).  Como eu trabalho com a venda de delivery, eu tive que fazer o reajuste de preço”.

O valor médio de R$ 6,88 cobrado na maioria dos postos de gasolina de Parintins representa um aumento de R$ 0,30  em relação à semana anterior. Para se ter ideia, no início de setembro o litro custava R$ 5,99.

Alguns restaurantes, que antes não cobravam a entrega, começam a adotar a taxa do serviço e os motoaxistas estudam aumentar o valor da corrida, de R$ 5 reais para R$ 7 reais. Já os donos dos postos de combustíveis preferiram não comentar o novo reajuste.

Relacionadas
Deixe um comentário