Na última quinta-feira (04), o presidente Michel Temer anunciou que o Governo Federal adiou o início do Horário de Verão para o dia 18 de novembro.

A alteração foi feita em atendimento ao pedido do Ministério da Educação (MEC), por meio de seu representante Rossieli Soares, que fez o pedido para que a data prevista até então para adiantamento dos relógios, marcada para 4 de novembro, não coincidisse com a aplicação do Enem 2018 – Exame Nacional do Ensino Médio, nos domingos de 4 e 11 do mesmo mês.

Ainda conforme o presidente da República, apesar de adiar o começo, a data de encerramento do Horário de Verão não foi estendida, continuando prevista para 16 de fevereiro de 2019, de forma que nesta temporada o período deste recurso será mais curto. Ele também afirmou que decisão deve ser confirmada oficialmente por meio de publicação no Diário Oficial da União (DOU) dos próximos dias.

A justificativa do MEC para fazer o pedido, juntamente com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), é que a mudança nos relógios justamente no dia de início do Enem 2018 poderia gerar confusão na hora de início das provas – 13h de acordo com o horário oficial de Brasília – em candidatos de diversas unidades federativas, lembrando ainda que nem todas aderem ao horário de verão e que muitas ainda contam com fuso-horário.

Os estados que neste ano adiantarão seus relógios em 18 de novembro são: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal.

Red.: Neudson Corrêa

Fonte: InfoEnem