Alvorada Parintins

Parintinenses pernoitam na fila para tentar vaga em escola infantil

Pais e alunos estão em frente a centro educacional desde as primeiras horas de 2020.

Desde as primeiras horas de 2020, pais e até futuros alunos formam uma fila em frente ao Centro Educacional Infantil Alvorada na tentativa de conseguir uma vaga no educandário, que fica localizado no bairro João Novo. A previsão de entrega das senhas para a efetivação da matrícula está prevista para o dia 9 de janeiro, segundo um edital afixado no portão da escola, e existem 80 vagas no centro educacional.

Andreza está na fila acompanhada de seu filho | Foto: Liam Cavalcante

A maioria dos pais estão tentando matricular  seus filhos no maternal, o primeiro contato das crianças com uma escola. É o caso de Andreza Almeida, que tenta uma vaga para o seu filho de 3 anos e está na fila desde a tarde deste dia primeiro de janeiro. Andreza está na fila acompanha do seu filho de 1 ano de dois meses, que ainda é amamentado e não pode ficar longe da mãe.

Segundo edital fixado na porta da escola, apenas 80 vagas estão disponíveis | Foto: Liam Cavalcante

Os próprios integrantes da fila criaram uma lista para organizar a ordem de chegada e não acontecer confusão quando as senhas forem entregues. Quem teve a iniciativa de criar a lista foi Maria do Socorro, que também tenta uma vaga para o seu filho de 3 anos.

Maria do Socorro foi a terceira pessoa a chegar, por volta das 6h da manhã, e além de organizar a lista com a ordem de chegada, ela também faz a chamada dos integrantes da fila, para que não haja furo de fila.

Pais organizaram lista com ordem de chegada para não bagunçar a fila | Foto: Liam Cavalcante

A primeira a chegar em frente ao Centro Educacional Infantil Alvorada, por volta das 5h da manhã, foi Daniela Batista, mãe de uma criança de 3 anos. Segundo a mãe, a direção da escola não queria filas e até ameaçou tirar as cadeiras do local. “A gente não veio fazer baderna, viemos pegar uma senha para o nosso. Muitos aqui são mãe e pai, e não tem condições de ficar aqui o dia todo, até sob o risco de chegar no dia não tem mais vaga”, comentou.

Foto: Liam Cavalcante

Até futuros alunos estão com seus pais na fila. É o caso do pequeno Samuel, de 3 anos, que está na fila com sua mãe Maria, e tenta uma vaga também no maternal. Maria chegou por volta das 8h da manhã e diz que está reversando com sua filha e uma sobrinha, para ser menos cansativo.

Não conseguimos contato com a Diretora do Centro Educacional Infantil Alvorada. Segundo os integrantes da fila e o vigia do educandário, a situação pode ser resolvida na quinta-feira (3), e as senhas serão entregues de forma antecipada.

Red.: Liam Cavalcante
você pode gostar também