Alvorada Parintins

Parintins será homenageada por escola de samba de Maués

Em busca do seu segundo título no Maués Folia, a Mocidade de Santa Luzia escolheu homenagear a Ilha Tupinambarana em 2020.

O Grêmio Recreativo Escola de Samba Mocidade de Santa Luzia, de Maués-AM, escolheu homenagear Parintins em 2020, em busca do seu segundo título no Maués Folia.

Com o enredo “Parintins! Ilha dos Tupinambás, santuário dos bumbás”, a escola do bairro Santa Luzia, zona leste de Maués, vai contar na avenida do samba a história da ilha, desde seus primeiros habitantes, costumes indígenas, passando pelas histórias da construção da catedral, dos bumbás e do festival folclórico.

A Mocidade será a terceira escola a se apresentar na segunda-feira do Maués Folia, que acontece de 22 a 25 de fevereiro.

Foto: Reprodução

Segundo o presidente da Santa Luzia, Francisco de Assis, a homenagem a Ilha Tupinambarana é como forma de gratidão.”Todos os anos a cultura Mawé é exaltada por Garantido e Caprichoso, através das toadas e das apresentações na arena do Bumbódromo. Nós nos sentimos homenageados pelos parintinenses., nada mais justo do que nós, mauesenses, escolhermos Parintins para contar a sua história, contar a trajetória dos bois. É uma história muito bonita e os parintinenses vão gostar do que vai ser apresentado na Avenida Dr. Pereira Barreto pela Mocidade de Santa Luzia”, afirmou.

Em busca de apoio

De Assis esteve em Parintins em busca de apoio, e para divulgar o enredo da Mocidade. “Não fomos atrás de apoio financeiro. O Garantido, por exemplo, com seu presidente Fábio Cardoso, nos recebeu muito bem, apresentamos a nossa proposta de enredo, como queríamos apresentar na avenida a respeito do Garantido, e ele foi de uma sensibilidade imensa, abriu as portas dos galpões e nos ajudou bastante”, comentou o presidente da escola de samba.

O samba enredo

O samba enredo “Parintins! Ilha dos Tupinambás, santuário dos bumbás” foi composto pelo parintinese Éneas Dias, artista do Boi Bumbá Garantido, que já contribuiu com a escola em 2015, quando a Mocidade de Santa Luzia conquistou o primeiro título de sua história.

Ouça um trecho da samba enredo:

Por Liam Cavalcante
você pode gostar também