A apuração final da Eleição 2018 realizada no município de Parintins encerrou por volta das 20h30 apresentando um quadro de votação, considerado como surpresa.

Dos 68.263 eleitores parintinenses aptos a votar, 51.551 compareceram às urnas das 236 seções para digitar o voto na urna eletrônica. De acordo com a Justiça Eleitoral 49.770 votos foram considerados como válidos, 495 foram brancos e 1.286 foram anulados.

O número de abstenção foi considerado pequeno, se comprado ao da Eleição Suplementar em 2017. Pelos números, 16.656 eleitores se abstiveram de votar e exercer a cidadania, um número que poderia ter ajudado o município a eleger mais um deputado estadual.

O candidato a presidência da República, Fernando Haddad (PT) obteve 36.575 votos contra 7.459 de Jair Bolsonaro (PSL). Os dois disputam o segundo turno.

Para governador, o candidato Wilson Lima (PSC) conseguiu 16.253 votos, David Almeida (PSB) 13.862, Amazonino Mendes (PDT) 11.942 e Omar Aziz (PSD) 4.935 votos. Wilson Lima e Amazonino Mendes disputam o segundo turno.

Para o Senado, Vanessa Grazziotin (PCdoB) obteve 25.091 votos, Eduardo Braga (MDB) 23.715, Alfredo Nascimento (PR) 16.367 e Plínio Valério (PSD) 12.291. Na apuração geral do TRE/AM, Plínio Valério e Eduardo Braga são os senadores eleitos pelo Amazonas, após uma disputa acirrada entre Braga e Luiz Castro.

Para a Câmara Federal, Dodó Carvalho (PSD) conseguiu 14.266 votos, José Ricardo (PT) 7.197, Silas Câmara (PRB) 3.983 e Marcelo Ramos (PR) 3.720 votos.

Ao cargo de deputado estadual, o vice-prefeito Tony Medeiros (PSD) conseguiu 8.033 votos, Nega Alencar (PSD) 5.973, Saulo Vianna (PPS) 5.611 (eleito) e Juscelino Manso (PSB) 5.588 votos.

Ainda para o cargo de deputado estadual, o artista Rossy Amoedo (Solidariedade) obteve 3.860, Alexandre da Carbrás (Avante) 1.813, Sabá Reis (PR) 1.668, João Pedro Gonçalves (PT) 1.088, Alessandro Souza (PSC) 400, Marcileni Santos (PMN) 221 e Sirlan Cohen (PMN) 191 votos.

De acordo com a juíza eleitoral Larissa Padilha Roriz o pleito eleitoral no município foi considerado como tranquilo, embora tenha sido presenciado um pequeno tumulto durante a votação na Escola Municipal São Pedro do Parananema e a detenção de uma pessoa portando dinheiro e santinho de um determinado candidato.

A magistrada agradeceu os eleitores que souberam exercer a cidadania de forma pacífica e sem acirramento. Da mesma forma, a promotora eleitoral Lilian Nara Almeida enfatizou a tranquilidade verificada durante o processo de votação e apuração dos votos.

Red.: Neudson Corrêa