Alvorada Parintins

Projeto “Política, Eu Me Importo e Participo” será desenvolvido em Maués

O programa busca gerar na comunidade o compromisso em pensar sobre a política e contribuir com a sociedade através do debate como compromisso da Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

Dando prosseguimento à formação política na região amazônica, a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) aprovou o projeto de extensão universitária “Política, eu me importo e participo” para a cidade de Maués, que, agora, será desenvolvido, por meio do Núcleo de Ensino Superior de Maués (NESMAU).

Maués | Foto: Liam Cavalcante

O programa busca gerar na comunidade o compromisso em pensar sobre a política e contribuir com a sociedade através do debate como compromisso da Universidade com a população.

Segundo o coordenador do projeto e professor-mestre da UEA, Eliseu Souza, as atividades serão desenvolvidas nos diversos bairros da cidade de Maués, através de encontros com as lideranças e comunitários, visando a compreensão da cidade como local imediato de participação política.

O projeto “Política, eu me importo e participo” vai trabalhar, ainda, sobre as as responsabilidades do cidadão para as diversas formas de participação na vida política, como, por exemplo, nos conselhos municipais, sindicatos, associações e no acompanhamento das sessões da câmara de vereadores.

De acordo com o  professor Eliseu Souza, outro eixo a ser trabalhado é a Política a partir da perspectiva da Fraternidade.

“É preciso nós trazermos novos elementos para que a política seja vista de uma forma mais positiva. Nós não podemos olhar como se a política fosse um grande mau, muito pelo contrário, ela é o bem necessário, porém nós precisamos compreender muito bem como desenvolver essa atividade”, explicou.

O projeto “Política, eu me importo e participo” foi criado em 2015, no Centro de Estudos Superiores de Parintins, campus da Universidade do Estado do Amazonas (Cesp-UEA), por quatro professores: Eliseu da Silva Souza, Gracy Kelly Monteiro Dutra, Manoel Fernandes Braz Rendeiro e Raimundo Djard Vieira Filho. E teve como parceiros o Movimento Político Pela Unidade (MPPU), Diocese de Parintins e o Tribunal Regional Eleitoral – Cartório da 4ª Zona Eleitoral.

Relacionadas
Deixe um comentário