Alvorada Parintins

Reitor do Ifam morre por complicações decorrentes da Covid-19

Professor Antônio Venâncio estava internado em um hospital particular de Manaus desde o dia 05 de janeiro.

 

Morreu na noite desta segunda-feira (11) o professor Antônio Venâncio Castelo Branco em decorrência da Covid-19. Ele era reitor do Instituto Federal do Amazonas (IFAM), e estava internado em um hospital particular de Manaus desde o dia 05 de janeiro.

O professor atuava no serviço público há mais de 20 anos, tendo em sua trajetória na Escola Técnica Federal do Amazonas, no Centro Federal de Educação Tecnológica do Amazonas (CEFET/AM) e Instituto Federal de Educação ocupado os cargos de gerente educacional na Escola Técnica Federal do Amazonas (Etfam), diretor de ensino, vice-diretor geral do CEFET/AM, Pró-Reitor de Ensino e de Desenvolvimento Institucional, além de ter ocupado por nove meses a função de Reitor Pro Tempore.

Venâncio comandava o Ifam pela segunda vez. Ele foi nomeado em 2015, e eleito em 2018 para o seu segundo mandato.

Nota de pesar do Ifam

Na noite desta segunda-feira, dia 11 de janeiro de 2021, recebemos com grande tristeza a noticia do falecimento do Reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas, o professor Antonio Venâncio Castelo Branco. Um ser humano integro, que honrou a comunidade do IFAM com seu trabalho incansável, dedicado e humano com todos nós. Deixa um grande legado para a Educação do Estado do Amazonas.

Nesse momento de imenso pesar, a comunidade do IFAM externa os sentimentos de solidariedade com a família e amigos do nosso estimado Reitor. Que Deus o receba no descanso eterno, assim como foi a crença do nosso Magnifico durante toda sua vida.

JORNALISMO AO VIVO VERTICAL
você pode gostar também