Alvorada Parintins

Toada ‘O amor está no ar’, de Chico da Silva, agora é do Caprichoso

A música, que já foi cantada em diversas ocasiões pelo rival do boi da Francesa, também já foi gravada por grandes artistas.

Durante a apresentação das toadas que farão parte do projeto do Boi Bumbá Caprichoso para o Festival de Parintins 2020, em uma transmissão neste sábado (18), diretamente da arena do Bumbódromo, foram anunciadas duas toadas de Chico da Silva: a toada ‘Chama Azul’ e a consagrada ‘O amor está no ar’.

Segundo Chico, a toada, que é internacionalmente conhecida, nunca esteve em nenhum CD de boi, e isso vai ajudar a divulgar ainda mais o bumbá.

“Primeiramente eu tô muito feliz com esse retorno. Eu volto ao Boi Caprichoso com uma toada inédita (Chama Azul) e a toada ‘O amor está no ar’, uma toada que é muito conhecida no Amazonas e agora também no Brasil e no mundo. Na verdade não é uma toada, e sim é uma música, que colocada em ritmo de toada ela se sai muito. O presidente Jender me fez esse pedido e agora ela pertence a nação azul. Eu estou muito feliz com essa volta e estou torcendo para que o Caprichoso faça um excelente festival”, comentou o compositor.

‘O amor está no ar’ foi gravada por grandes artistas como Ivo Meireles, Uendel Pinheiro, Arlindo Júnior, e já chegou a ser tocada diversas vezes pelo rival do Caprichoso, o boi Garantido, a última vez foi no aniversário de seu fundador, Lindolfo Monteverde, no dia 2 de janeiro.

Red.: Liam Cavalcante
você pode gostar também